PEDIR SUA MÚSICA

CLIQUE AQUI E FAÇA SEU PEDIDO MUSICAL


Mostre para seus amigos o que você está ouvindo aqui, eles poderão ouvir no Facebook, compartilhe nosso player.


Ela foi a 1ª garota-propaganda da TV brasileira e fez sucesso com "Amorzinho Querido"

Estamos falando de Idalina de Oliveira uma paulistana de imenso talento que fez muito sucesso na televisão brasileira.

Idalina de Oliveira   nasceu na cidade de São Paulo, em 26 de outubro de 1936. Ela tinha apenas 17 anos, quando apareceu na TV Record e se candidatou para ser garota propaganda.

A  Record, que foi inaugurada em 1953,  assim como as outras duas emissoras que já existiam: TV Tupi e TV Paulista, dispunha de pouco espaço para seus programas e nenhuma possibilidade de fazer os comerciais gravados. Era tudo feito ao vivo. E assim as  garotas propaganda também faziam seu trabalho num pequeno canto de estúdio, com o material a ser exposto em cima de uma mesa, e pouco mais que isso.


O importante então era o charme da garota. E Idalina o tinha de sobra. Logo se salientou e se tornou uma das mais importantes, não só de sua emissora, como de toda São Paulo e talvez de todo o Brasil. Assim essas moças começaram a ganhar fama e a ter muitos fãs. E algumas, como foi o caso de Idalina, passou também a apresentar programas.

Idalina apresentou o programa: "Ginkana Kibon", ao lado do grande Vicente Leporace. E depois fez   o " Capitão Sete", com o ator Ayres Campos Esse programa se constituiu num enorme sucesso, pois era dirigido inteiramente às crianças, que com o passar do tempo, queriam todas se vestir como o herói. Idalina de Oliveira lançava moda., como por exemplo, a moda do "cabelo gatinho". E , houve um tempo, em que se lançou como cantora. Mas todos a preferiam como apresentadora  e  garota propaganda.


Quem é do tempo das chamadas "garotas propagandas", moças bonitas e desembaraçadas que anunciavam ao vivo produtos na TV, deve se lembrar da Idalina de Oliveira, que se consagrou como a personagem Silvana, filha de um funcionário da Interpol e namorada do "Capitão 7", o primeiro seriado de aventuras produzido no Brasil, estrelado por Ayres Campos.

O programa, devido ao enorme sucesso, foi ao ar entre 1954 e 1966 pela TV Record de São Paulo. Idalina, na época, anterior a Regina Duarte, era uma espécie de "Namoradinha do Brasil", e lançava moda, como o famoso "cabelo gatinho", sucesso entre as mulheres. Um dia, durante a apresentação do "Capitão 7", a heroina precisou cantar, pois o capítulo em questão se passava dentro de uma emissora de TV. Nos estúdios (verdadeiros) se encontrava Alfredo Corletto, divulgador da Chantecler, que achou interessante uma conversa mais séria sobre a possibilidade de ela gravar um disco.

No vídeo abaixo um grande sucesso de Idalina de Oliveira "Amorzinho Querido", se você já passou dos 50 anos vai lembrar. Vamos recordar ?

Como cantora, ainda participou do programa Jovem Guarda, e regravou em 1966 a música "Alguém na vida da gente", de Roberto e Erasmo Carlos, lançada originalmente em 1964 por Célia Villela. A regravação, lançada num compacto simples pela Chantecler, trouxe "Você é tudo para mim", uma versão da Idalina de Oliveira para "She's the only girl for me", de Gerrard Marsden, no outro lado do disco.
Nos anos 50 e 60 apresentou ainda os programas "Astros do Disco", ao lado de Randal Juliano.
Fontes: wilkepedia/sanduichemusical

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

2 comentários:

Anônimo disse...

LINDISSIMA iDALINA DE oLIVEIRA. NUNCA MAIS UM PROGRAMA IGUAL ASTRO DO DISCO. MUITO ELEGANTE MUITO BOM

Ademir Palacios disse...

Seu comentário foi o primeiro no blog, valeu e obrigado por sua visita !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...